O QUE É ISBN ?

O ISBN – International Standard Book Number – é um sistema internacional padronizado que identifica numericamente os livros segundo o título, o autor, o país, a editora, individualizando-os inclusive por edição. Utilizado também para identificar software, seu sistema numérico é convertido em código de barras, o que elimina barreiras lingüísticas e facilita a sua circulação e comercialização.

Criado em 1967 por editores ingleses, passou a ser amplamente empregado tanto pelos comerciantes de livros quanto pelas bibliotecas, até ser oficializado, em 1972, como norma internacional pela International Standard Organization – ISO 2108 – 1972.

O sistema ISBN é controlado pela Agência Internacional do ISBN, que orienta, coordena e delega poderes às Agências Nacionais designadas em cada país. A Agência Brasileira, com a função de atribuir o número de identificação aos livros editados no país, é, desde 1978, a Fundação Biblioteca Nacional, a representante oficial no Brasil.

O fundamento do sistema é identificar um livro e sua edição. Uma vez fixada a identificação, ela só se aplica àquela obra e edição, não se repetindo jamais em outra. A versatilidade deste sistema de registro facilita a interconexão de arquivos e a recuperação e transmissão de dados em sistemas automatizados, razão pela qual é adotado internacionalmente. O ISBN simplifica a busca e a atualização bibliográfica, concorrendo para a integração cultural entre os povos.

Para saber mais acesse: http://www.bn.br/site/default.htm 




Se você gostou deste artigo, deixe um comentário abaixo e considere
cadastrar nosso RSS, para ser notificado nas próximas atualizações do blog.

Comentários

RATIFICANDO
Lancei um livro intitulado
“ULTIMA MENSAGEM PARA O PLANETA TERRA”
Preciso registrá-lo no ISBN e do codigo de barra. O que tenho de fazer? Por favor preciso de orientação. Como adquirir o formulário a ser preenchido, e a taxa a pagar, etc
Se for possivel enviar-me informações ficarei grato.
Franck
adventtus@adventtus.com
grato

Qual a validade cultural de um livro com ISBN e o lançamento de uma edição independente?

Que palhaçada (funcionária Andréia) responsável pelo setor de Registros do ISBN, responder que não foi toda documentação. ISSO É BRASIL!

O ISBN neste século já se faz por completo desnecessário. Não representa nada a obra e nem ao autor. Na data da sua criação teve importância sim, porém hoje com advento da resposta/informação imediata (by google e outros) qualquer livro em segundos tem todas as suas informações disponibilizadas.
Além de sua inutilidade, o ISBN funciona como “caça-níquel” para render lucros a terceiros pois a Agencia de ISBN é Público/privado.
Solicitar ainda é algo absurdo pela sua burocracia, nada é feito online e tudo depende de correios, ou seja, se o correio entrar de greve, danou-se.
O pagamento deve ser feito via doc (o que gera custos mais caro ao solicitante do que o proprio custo do ISBN.
Ou seja, a Agencia do ISBN te faz reféns deles por um serviço sem valia verdadeira, que não representa nada na obra, são burocráticos e lentos no atendimento e a pessoa da Sra Andrea Coelho, responsavel pela agência, ainda é proprietária de toda arrogância.
Vem custos de correio (sedex quase sempre né?), depois custos com o DOC para pagas as taxas e sem seguida as taxas do ISBN.

A verdade é;
O ISBN nada representa o autor e a obra.
É uma ação caça-níquel.

Jurandir Barbosa
http://www.jurandirbarbosa.com
11 98530-7510

Comente este artigo

(obrigatório)

(obrigatório)